Só Jesus Cristo é o Senhor

Alivio para os sobrecarregados

 

Texto: Mateus 11:28-20
Freqüentemente a gente ouve pessoas dizerem que estão precisando de um descarrego, existem igrejas que praticam o culto ao descarrego, se você esta carregado venha que tiramos o seu descarrego. Na verdade nos conhecemos o maior descarregador do universo, ele é o único que verdadeiramente descarrega. Os outros apenas anestesiam, a fim de que se possa suportar a dor por algum tempo; injetam uma espécie de morfina espiritual, algo parecido com um estimulante, para que não se sinta tanto a dor que está latente.
No início desta narrativa Jesus faz 3 declarações importantíssimas:
1) A simplicidade de Deus em se revelar aos humildes ofusca a visão dos sábios (v. 25-26) – aqueles que tentam diagnosticar Deus, explicá-lo, ficam perdidos. Foi Ele que se revelou e não o homem quem descobriu sua existência;
2) Ele Diz Ter toda a Autoridade – Tudo me foi entregue – Ele tinha e tem nas mãos todo o poder;
3) Ele é o único capaz de revelar Deus (v. 27) – Não existe outra fonte de informação ou revelação mais precisa sobre o Pai que não seja o Filho.
E logo após estas declarações Ele faz O convite que ninguém, nunca, jamais, pôde fazer. Cada palavra que surge dos lábios do Messias chegam até os ouvintes cheias exclusividade. Esse é um convite único.
Ainda hoje e mais precisamente em função do mundo em que vivemos essas palavras funcionam como remédio; como resposta e solução para o grande número de pessoas que se vêem em crises, as mais diversas. E vemos Jesus optando pelos cansados, abatidos,oprimidos, frustrados, abandonados, amargurados, desconhecidos até recebe , o título de “amigo de publicanos e pecadores” (Mts 11.19).
Vivemos uma época em que a cada dia é mais fácil encontrarmos pessoas sobrecarregadas. São aquelas que levam um fardo além de sua capacidade de resistência. Há um excesso em determinadas áreas da vida. Alguns de nós somos capazes de suportar determinadas circunstâncias, certos pesos, enquanto outras pessoas cedem mais facilmente. Alguns são capazes de ouvir certas palavras outros não. Apesar dessa diferença entre nós, TODOS TEMOS UM LIMITE DE CARGA. Chega um momento em que o acúmulo sobrecarrega, pesa, é demais, é excesso. A pessoa vai levando, suportando até que um dia não agüenta mais, e cansa, dobra os joelhos, se curva, desiste ou então muitas das vezes deseja jogar tudo para cima. Tenho uma paciente que me disse: não estou agüentando mais o meu marido, vou deixa-lo porque não suporto mais a falta de carinho, tensão dentro de casa esta forte demais para mim. Estou desistindo da família.
As pessoas podem estar sobrecarregadas por causa de:
Problemas Familiares – a rotina de uma casa em conflito é um dos motivos que mais tem sobrecarregado as pessoas. Relacionamento conjugal incompatível, pais e filhos, genros, noras, sogros e sogras.
Problemas Financeiros – As preocupações advindas de uma crise financeira é simplesmente assoladora, principalmente quando não há recursos para se efetuar o pagamento. Daí surgem as pressões, perde-se o sono e a sobrecarga se multiplica; gostaria de colocar alguns dados que são importantes sobre a questão do sono, todos nós sabemos que dormir mal, ter dificuldade para conciliar o sono, traz desconforto para o ser humano. Estima-se que 70% da população mundial apresente algum tipo de distúrbio relacionado ao sono, como por exemplo a insônia que é a principal queixa entre os distúrbios do sono, atinge 30% a 35% da população. O CID 10 que é a classificação internacional dos distúrbios do sono com 84 patologias sendo os principais de dissônias seriam: Insônias, hipersônia, Síndrome da apneia noturna e Narcolepsia como também fatores de riscos: cardiopatias e hipertensão, o sono é uma necessidade básica do ser humano, o que passamos 1 terço de nossas vidas dormindo. A falta de sono pode causar”irritação, demência, epilepsia, asma e muitos outros distúrbios neurológicos. É obrigação alertar aos irmãos sobre esses perigos, estava lendo algo parecido sobre a historia do naufrágio do titanic, antes de acontecer a tragédia eles foram avisandos do iceberg, mas ignoraram pelo excesso de confiança.
Problemas Espirituais – São pessoas que não sabem a origem de tantos problemas e sensações estranhas. Aparentemente não tem motivos, mas na verdade existe uma ação maligna que tira o vigor, desestimula, enfraquece.
Infelizmente nem todos recorrem a Cristo para aliviarem sua sobrecarga.
Alguns chegam a tentar o suicídio. Porque a sobrecarga excede a própria vontade de viver; Alguns outros reagem em busca desse descarrego de maneira que se comprometem ao fazerem trabalhos espirituais malignos; Já outros simplesmente se entregam ao acaso – Estão entregues a um conjunto de pequenas causas independentes entre si, e que determinam um acontecimento qualquer: Vivem de total imprevisibilidade, não programam mais sua própria vida, são escravos da casualidade. É o vaso quebrado de Jeremias.
Talvez você esteja se sentindo assim ou quem sabe conheça alguém nesse estado "irmão Eudaldo, não sei quanto tempo vou agüentar mais. Sinto que estou chegando no meu limite. O que fazer?" O que te cansa, o que te sobrecarrega? O que te puxa para traz, de volta, tirando o teu vigor? Seja o que for, saiba que Jesus pode aliviar tua sobrecarga; descansar tua alma; aliviar tua dor; pode mudar a rotina de derrota e desânimo que impera em sua vida. Jesus está convidando ainda hoje.
É sobre esse convite que desejo meditar com você. VEJAMOS OS DETALHES DESSE CONVITE:
Em primeiro lugar, É UM CONVITE DIRECIONADO A ELE MESMO. (V. 28)
"Vinde a MIM" – Jesus não aponta para outro. Não existem outras pessoas, não existem filosofias, nem pensamento positivo que aliviam a alma. Ele sabe disso, por isso diz: "Vinde a MIM" - À minha pessoa, às minhas palavras. Ele não recomenda outro. Não aponta para a religiosidade, não recomenda mais dinheiro, uma casa nova, fama, prazer, não indica outro tratamento, não indica seções terapêuticas. Não recomenda a reencarnação, nada disso. Ele é o único capaz de dizer: Vinde a mim e eu vos aliviarei. EU mesmo vou aliviar. Ele não recomenda fazer bruxaria, matar galinha preta, andar de joelhos, usar um amoleto nada disso Nos momentos de dificuldade em que nos sentimos incapazes. Somos tentados a pensar que Deus também desistiu de nós. Isso é mentira maligna. Deus nos ama e jamais desistirá de nós.
Eu vos aliviarei.. EU POSSO E QUERO ATENDER A VOCÊ. Eu vou te aliviar, Eu mesmo. Você vai ser tratado por mim, minhas mãos. Este convite expressa o interesse de Deus em alcançar as pessoas. A Bíblia diz que "Deus deseja que todos os homens sejam salvos e cheguem ao pleno conhecimento da verdade"1Tm 2:4.
Você pode receber hoje teu alívio não porque teve um encontro com um pastor; ou com um cristal; ou com um gnomo; ou com uma pirâmide; mas porque JESUS deseja tirar a sobrecarga, o peso. Ele vai tocar em você, mudar sua vida, descarregar teu coração, tua alma, teu corpo.
Em segundo lugar É UM CONVITE FEITO A TODOS (V. 28)
Não importa o motivo nem quantos são. Esse "todos", significa que não há impossíveis, ninguém fica esquecido, o poder não se acaba. O amor, a atenção é indistinta. Ele não escolhe as pessoas, não predestina, qualquer um que entender e quiser pode vir. Não faz acepção a partir de nomes, sobrenomes, títulos, cargos. Seja você quem for precisa de Jesus para receber alívio.
Esse "todos" é uma exclusividade de Jesus porque somente ele deseja os indesejáveis, aqueles que já foram desistidos. Ele olha para os doentes e diz eu sou o remédio, sou saúde para você. Por isso meu querido, minha querida, ouça com atenção, não há nada que possa tirar o amor de Deus sobre você. O alívio é possível.O fato de que Deus chama a todos não significa que ele não os conheça individualmente.
Jesus não diz: "Se houver alguém cansado aqui, quem sabe alguém esteja sobrecarregado. Ele não trabalha com hipótese. Ele diz: Você, você aí que está me ouvindo, EU falo contigo. Diz teu nome. Conhece tua dor, sabe onde você mora, o que te sobrecarga, teus anseios, tua espera. Sabe tudo a teu respeito. Nem você mesmo se conhece como Ele. Existem coisas sobre sua vida que você esqueceu, Ele não.
Jesus sabia com quem estava falando, estava olhando nos olhos daquelas pessoas. Seus olhos invadiam a alma e as convencia. Venha a mim, você.
Era como se Jesus tivesse saído aquela manhã com o único propósito de falar com cada pessoa individualmente. Mateus não foi capaz de registrar a presença e nem os problemas dos ouvintes, mas Jesus sabia com quem falava.
Em terceiro e último lugar É UM CONVITE QUE OFERECE APRENDIZADO (V. 29-30)
Alguns oferecem benefício sem responsabilidade, sem mudança de vida. Jesus não. Ele oferece mais que solução imediata para o cansaço. Ele oferece aprendizado de vida. "Aprendei de mim..." Venha aprender a viver; aprender a caminhar; aprender a escolher; a decidir; aprender a projetar a vida, aprender a ser manso e humilde de coração. Quando aprendemos a viver como nos orienta Jesus, nos prevenimos contra a sobrecarga, evitamos o excesso, lançando sobre Ele nossa ansiedade, porque tem cuidado de nós. Ele quer te ensinar a ser manso e humilde de coração com todos. Ele não só nos assegura dar alivio, como nos afiança que vai ensinar-nos a viver, você vai aprender a amar e a responder às hostilidades da vida sem amargura. Vou estar com você todos os dias.
"Tomai sobre vós o meu jugo..." Receba minha direção, seja conduzido por mim. "Achareis descanso" Há uma descoberta, uma surpresa, uma novidade. O que você procura? Reconciliação, vida com Deus, cura, vida eterna, amor, carinho, presença, refúgio, direção, libertação, descanso. Esta é uma das conquistas mais difíceis do ser humano, pois estamos fechados em nós, que não enxergamos o outro, que só existe como projeção do nosso eu. Conta-se uma historia que havia uma chave que abria a porta do céu e a porta do inferno.
Ao mergulhamos em nós mesmos e nos encontrarmos, e nos conhecermos melhor, encontramos aquele que nos alivia, nos dá descanso à alma, abrindo-nos novas e deslumbrantes perspectivas de vida. Então, ela se faz leve, e até as ocasionais cargas se tornam lucro.

 

EUDALDO FREITAS MEDRADO
(Bacharel em Teologia;
Psicanalista Clínico;
Pedagogo;
Professor do STBN...)

 

Pesquisar no site

Foto utilizada com a permissão da Creative Commons Neil Armstrong2  Redação: Pastor Geciano Vieira